Veto é rejeitado na Câmara

por Thiago Antonio de Freitas última modificação 23/06/2016 18h18

 

Por maioria dos votos (7x2) os vereadores zorteenses derrubaram o veto do prefeito municipal ao projeto de lei nº 002/2016, de origem do legislativo, que dispõe sobre a fixação do subsídio mensal dos secretários municipais para o quadriênio de 2017/2020.

A votação ocorreu durante a sessão ordinária realizada na noite de terça-feira, 21/06.

Com a derrubada do veto, os secretários passam a ganhar R$ 3.149,00 a partir de 2017. O projeto foi novamente encaminhado ao Executivo para promulgação.